Dia das Mulheres: a história por trás de uma data tão importante

Dia das Mulheres - Shopping Galeria

Como todo mundo sabe, no dia 8 de março é comemorado o Dia das Mulheres. Porém, você já ouviu falar como se chegou a esse dia específico e sobre a importante história de luta pelo direito feminino por trás dele? 

O Dia das Mulheres foi oficializado em 1975, pela ONU (Organização das Nações Unidas), mas a data surgiu bem antes, em 19 de março de 1911, em países da Europa como Áustria, Alemanha, Dinamarca e Suíça.  

Já nos Estados Unidos, o Dia das Mulheres ganhou força após a luta das mulheres que trabalhavam em fábricas no país. Essas mulheres metalúrgicas lançaram um movimento socialista para que seus direitos fossem colocados em prática, assim como eram os dos homens, que tinham melhores condições de trabalho.

Para isso, aproximadamente 15 mil mulheres se reuniram e organizaram um protesto pelas ruas de Nova York, no dia 26 de fevereiro de 1909. Naquela época, elas chegavam a trabalhar cerca de 16h por dia, todos os dias da semana. 

E, na Europa, não foi diferente. A luta das trabalhadoras também ganhou destaque, por volta de 1910, quando Clara Zetkin decidiu fazer uma reunião da Segunda Conferência Internacional das Mulheres Socialistas Alemãs, também pela melhoria das condições de trabalho. 

Porém, em 8 de março de 1917, um grupo de trabalhadoras foi às ruas protestar contra a escassez de comida durante a Primeira Guerra Mundial. Esse movimento, segundo historiadores, foi o marco que deu início à Revolução Russa. 

Por isso, logo após a Revolução Bolchevique, o dia 8 de março foi reconhecido como o Dia da Mulher Heróica e Trabalhadora. Mas, como dissemos anteriormente, essa celebração só se tornou o Dia das Mulheres muitos anos depois, em 1975. 

Aliás, essa data comemorativa tinha e ainda tem como principal objetivo ressaltar a todos a verdadeira importância do papel da mulher em meio à sociedade, além de levantar debates sobre a desigualdade, preconceito e a luta para um mundo mais juntos e com direito iguais para todos, independentemente de sexo, raça e condição social, por exemplo. 

No Brasil, assim como no mundo, o Dia das Mulheres costuma ser marcado por protestos e reivindicações para que as mulheres, a cada novo dia, tenham os mesmo salários, cargos e, principalmente, receber o mesmo respeito que é dado aos homens. Essa luta é de todas nós!